Anotações & Informações | Fim pág | Voltar |

Alguns compostos inorgânicos VI

| Índice do grupo | Página anterior | Próxima página |

Sulfato de alumínio | Sulfato de alumínio e potássio dodecaidratado | Sulfato de amônia | Sulfato de bário | Sulfato de cálcio | Sulfato de cobre | Sulfato de magnésio | Sulfato de sódio | Tiossulfato de sódio | Trióxido de arsênio |

Sulfato de alumínio Al2(SO4)3

(Topo | Fim pág)

Produto branco, cristalino, quase insolúvel em álcool anidro mas prontamente solúvel em água. A solução aquosa reage com álcalis e ataca muitos metais. Pode ser produzido pela reação da bauxita com ácido sulfúrico.

É um coagulante usado no tratamento de água para uso industrial ou potável. Também para curtir couro, na produção de papel, como mordente para corantes, para produzir outros compostos de alumínio.

Massa específica: 2700 kg/m3. Temperatura de fusão: 770 °C (decompõe). pH: >2,9 (solução 5%).


Sulfato de alumínio e potássio dodecaidratado AlK(SO4)2.12H2O

(Topo | Fim pág)

Sólido cristalino, branco, bastante solúvel em água. Pertence ao grupo dos alumens, isto é, sulfatos duplos de um metal trivalente (alumínio, cromo, ferro) e de um metal alcalino.

Algumas aplicações: em medicina como adstringente, coagulante para tratamento de água, desodorante, aditivo para alimentos, etc.

Massa específica: 1757 kg/m3. Temperatura de fusão 92-93 °C. Temperatura de ebulição: 200 °C (decompõe). pH: 3-3,5 (solução 10%).


Sulfato de amônia (NH4)2SO4

(Topo | Fim pág)

Normalmente disponível em forma de pó branco, é um sólido cristalino de estrutura rômbica, inodoro e de sabor salgado. Solúvel em água e insolúvel em álcool e acetona. Absorve umidade do ar. Produz o gás amônia na reação com álcalis.

Algumas aplicações: como fertilizante nitrogenado. Nutriente de micro-organismos para produção de enzimas. Aditivo em alimentos para melhorar aspecto. No beneficiamento de couros. Produção de outros compostos. Em papéis resistentes à chama. Na produção de pós para extintores. Na produção de persulfatos. Agente de cura de resinas para chapas de madeira. Como aditivo em banhos de tinturas para tecidos. Em alimentos para gado. Na produção de fermentos.

Massa específica: 1770 kg/m3. Ponto de fusão: 235-280 °C (decompõe). Solubilidade a 20 °C: 75 g em 100 g de água. pH: ≈5 (solução 100 g em 1 l de água).


Sulfato de bário BaSO4

(Topo | Fim pág)

Composto cristalino de cor branca ou amarelada, insípido, inodoro, insolúvel em água. É um composto bastante estável e não tóxico, mas reage violentamente com alumínio em pó.

Algumas aplicações: pigmento para tintas, aditivo para plásticos (para dar cores brilhantes, melhorar rigidez e resistência à abrasão), em medicina como agente de contraste para exames com raios-X, na indústria de papel (como aditivo ou revestimento, para papéis brancos), cosméticos, cerâmicas e muitos outros usos.

Encontrado na natureza no mineral chamado baritina (ou barita). É também a principal fonte para a produção de bário.

Massa específica: 4500 kg/m3. Temperatura de fusão: 1600 °C (decompõe).


Sulfato de cálcio CaSO4

(Topo | Fim pág)

Sólido branco, inodoro, pouco solúvel em água. Encontrado naturalmente no mineral gipsita (sulfato de cálcio diidratado, CaSO4.2H2O).

O gesso (sulfato de cálcio semi-hidratado, CaSO4.1/2H2O) é obtido pela calcinação da gipsita. Empregado também como fertilizante em determinadas culturas.

Massa específica: 1600 kg/m3. Ponto de fusão: 1450 °C.


Sulfato de cobre CuSO4

(Topo | Fim pág)

Sólido inodoro em forma de cristais azuis. Preparado pela reação de óxidos de cobre com ácido sulfúrico. Usualmente fornecido na forma penta-hidratada (CuSO4.5H2O). É solúvel em água e insolúvel em álcool.

Algumas aplicações: é o mais importante sal de cobre. Usado principalmente na agricultura, como pesticida e germicida. Também para correção de solos. Matéria-prima para produção de outros compostos de cobre. Eletrólitos de baterias e banhos para eletrodeposição. Produção de pigmentos. Em medicina, como fungicida e bactericida de aplicação local.

Massa específica: 2280 kg/m3. Temperatura de fusão: 110 °C. Temperatura de ebulição: 653 °C. pH: 3,7 a 4,5 (solução 5%).


Sulfato de magnésio MgSO4

(Topo | Fim pág)

Composto cristalino, branco, prontamente solúvel em água.

Algumas aplicações: cosméticos, produção de papel, materiais à prova de fogo, cerâmicas, refratários, fabricação de produtos têxteis, detergentes, catalisador de processos, micronutriente para agricultura, suplemento dietético e laxante para animais, medicina, etc.

Massa específica: 2700 kg/m3. Ponto de fusão: 1185 °C.


Sulfato de sódio Na2SO4

(Topo | Fim pág)

Pó branco, inodoro, higroscópico, estável em condições usuais.

Algumas aplicações: processamento de polpa de madeira para produção de papel kraft, produção de vidros, detergentes, corante para tecidos, matéria-prima para produção de outros compostos, etc.

O sulfato de sódio deca-hidratado, Na2SO4.10H2O, é chamado sal de Glauber em homenagem ao químico alemão Johann R Glauber, que o extraiu pela primeira vez do mineral glauberita (sulfato de sódio e cálcio Na2Ca(SO4)2). Usado em medicina, como laxante, anti-inflamatório, diurético.

Comercialmente é obtido como subproduto da produção de ácido clorídrico a partir do cloreto de sódio e ácido sulfúrico. Também pela evaporação de algumas águas naturais. Também encontrado na natureza, no mineral thenardita.

Massa específica: cerca de 2700 kg/m3. Temperatura de fusão: 884 °C. Temperatura de ebulição: 1100 °C (decompõe). pH: solução aquosa é neutra.


Tiossulfato de sódio Na2S2O3

(Topo | Fim pág)

Composto sólido cristalino branco. A solução aquosa tem ação neutra ou levemente alcalina. Em condições levemente ácidas, é decomposto em sulfito e enxofre. Ataca ligas à base de cobre, com taxas acima de 10 kg/(m2 ano). Aços inoxidáveis austeníticos (304, 316, etc) são os materiais recomendados para reservatórios, tubulações, bombas. A taxa de corrosão está na faixa de 440 g/(m2 ano).

Normalmente produzido pela reação do sulfito com enxofre: Na2SO3 + S → Na2S2O3.

Algumas aplicações: agente fixador padrão para filmes e papéis fotográficos. Remoção de cloro de águas, têxteis, polpas, papéis. Purificação de gases de chaminés. Curtição de couro. Aditivo para lubrificantes de grafite. Sabões e xampus.

Massa específica aparente: 1500 kg/m3. Solubilidade: 33 g em 100 g de água.


Trióxido de arsênio As2O3

(Topo | Fim pág)

Também denominado simplesmente arsênico, é fornecido em forma de cristais transparentes ou pó branco. É inodoro, pouco solúvel em água, bastante venenoso. Em geral obtido como subproduto da produção do metal.

Usado para tratamento e conservação de madeiras, em pesticidas agrícolas, na produção de vidro, em algumas ligas não ferrosas e, em pequenas proporções, em alguns medicamentos.

Massa específica aparente: 3740 kg/m3. Ponto de fusão: 315 °C. Ponto de ebulição: 465 °C. Solubilidade: 3,7 g em 100 g de água.
Referências
Pesquisa na Internet em 12/2007 (fontes não anotadas).

Topo | Rev: Mai/2018